O ensino dos Florais de Bach nas escolas – um caminho para um futuro menos violento

 

Esta semana o Brasil está de luto. Uma outra tragédia abalou não só o Rio de Janeiro mas, todos nós. Um jovem invadiu sua ex-escola e, a exemplo do que já aconteceu em outros países, matou, a queima roupa, doze crianças, deixando, pelo menos mais outras tantas feridas. Seu alvo preferido, as jovens adolescentes de onze a treze anos. Que razões levaram este rapaz a cometer tal atrocidade? Nunca saberemos ao certo…

No entanto, o que sabemos é que, em muitas escolas, não só do Brasil, a violência corre solto: desde as brigas e mortes entre alunos, grupos rivais ou professores, às diversas circunstâncias de abuso, incluindo o chamado bullying.

O que fazer? Como educar nossas crianças e jovens para um futuro menos violento? Várias são as propostas dos especialistas, tanto na educação quanto na saúde e cada país vai criando sua própria política com relação a isto. Seguranças, câmeras, turmas especiais para os mais agressivos, professores que visitam os alunos em suas próprias casas ( como aqui na Inglaterra, por exemplo ) e, por aí vai…

Sempre fui ligada à Educação. Desde o início da minha carreira como terapeuta floral, crianças e jovens com dificuldades escolares estiveram presentes em minha clínica. Em 1998, terminei por levar esta minha experiência para uma instituição social, Os Seareiros/Núcleo Mãe Maria, em Campinas, e lá implantei a terapia floral para dar suporte às atividades do reforço escolar realizado com crianças carentes. Atendi toda sorte de crianças, jovens, e seus problemas. Aos poucos, o serviço foi sendo reconhecido e solicitado, não só pelas professoras voluntárias, mas também pelos pais e pelos próprios alunos – Dona, tô precisando passar no floral…  Ouvi isto várias vezes…

A Terapia floral no Os Seareiros/Núcleo Mãe Maria virou referência do uso dos florais em sala de aula, e, por conseguinte, na área da Educação, não só no Brasil como no exterior, inspirando outras iniciativas em todo mundo. Seus resultados encontram-se publicados no Journal Internacional, Calix, da Flower Essence Society ( 2003 ) e também podem ser conferidos na revista especial dos Florais de Saint Germain ( 2007 ).

 

No entanto, em 2006, o Núcleo Mãe Maria seria o palco de uma iniciativa ainda mais arrojada. Desta vez, do ensino dos florais de Bach para crianças, por meio da Arte-educação. A idéia de propor à professora de artes, um projeto conjunto, veio-me em função de aquele, ser um ano comemorativo do Dr. Bach. No entanto, eu não sabia que daríamos forma a mais uma dimensão do seu trabalho. Isto começou-nos a ser revelado já nas primeiras atividades.

Como todo processo da Luz, as dificuldades foram imensas mas, por fim, conseguimos chegar ao final, com resultados surpreendentes. Ao unirmos o uso dos remédios florais, ao ensino dos mesmos, tendo a observação da natureza como linha mestra e a arte-educação para expressão da bagagem emocional de cada criança, vimos os resultados  ultrapassarem os limites individuais, promovendo o interesse para o cuidado e respeito à natureza. Uma iniciativa transdisciplinar, facilmente reprodutível em qualquer escola que ofereça Educação artística ou a Arte-educação em seu currículo, com resultados que podem contribuir sobremaneira para a educação integral de nossas crianças e jovens. Saiba mais em http://www.flowersociety.org/vieira-art-project.htm, ( em inglês )

Os anos que se seguiram foram de muitas mudanças pessoais tanto para mim como para Neide Mafra, a arte-educadora. Por este motivo, os resultados finais do projeto ficaram guardados, esperando uma ocasião ideal para serem divulgados. Esta ocorreu, em novembro do ano passado, em Cuba, no XVIII Congresso Internacional de Terapeutas Florais, com grande comoção e aceitação pelo público presente.

Apresentação em Cuba

Apresentação em Cuba 2

Para a minha alegria, três meses depois, eu receberia o e-mail de uma autoridade da área de saúde daquele país, informando-me que um projeto similar, a ser introduzido nas escolas, já estava para ser aprovado pelo governo.

A editora do Journal, Anna Zee e eu

E a minha alegria não parou por aí. O projeto chegou à terra do Dr. Bach e acaba de ser publicado no Journal da BFVEA (Associação Britânica de Essências Florais e Vibracionais – www.bfvea.com ) – Essence. Seu lançamento ocorreu na World Rainbow Vibrational Essence Conference (Conferência Mundial  Arco-íris/ Essências Vibracionais ), agora em março,  já o difundindo para vários países da Europa.

Essence – The Journal of the British Flower& Vibrational Essence Association

O ensino dos Florais de Bach para crianças por meio da Arte-educação

Mandalas de cura

 

E o Brasil, como fica? Será que vamos continuar ignorando esta dádiva que as essências florais representam para a humanidade? Será que, apesar de sermos referência no exterior, com relação ao uso dos florais na área da Educação, não poderemos fazer nada para reduzir a violência em nossas próprias escolas? Será que estas crianças que vivenciaram tamanha violência e as famílias que choram a perdas de seus filhos não poderão receber, também, a ajuda dos florais?

Isto me faz lembrar os versos de uma outra canção, desta vez, não do Noel, mas do Beto Guedes e do Ronaldo Bastos:  Vamos precisar de todo mundo, um mais um é sempre mais que dois, prá melhor juntar as nossas forças…A paz na Terra..

Ou seja, estas tragédias, catástrofes, que estamos vivenciando, são chamados do Universo para desenvolvermos  solidariedade,  parceria e  união.  Os florais, há muito, são parceiros magníficos de qualquer área, seja esta relativa à Saúde ou à Educação. Certamente o seu uso e o seu ensino, principalmente nas escolas, contribuirão, sobremaneira, para a paz no mundo. Quem viver, verá!

Fiquem com Deus!

 
 
 
 
 
 
 

 

 

Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

5 respostas para O ensino dos Florais de Bach nas escolas – um caminho para um futuro menos violento

  1. Olga Petroni disse:

    Oi Rosana querida!
    Seu blog está muito legal!
    Tomei a liberdade de encaminhar essa sua publicação ao secretário de educação da Prefeitua Municipal de Campinas, Sr. José Tadeu Jorge.
    Quem sabe ele não se interessa e propõe um projeto para as crianças da rede municipal de ensino?
    Encaminhei também para minha comadre Noeli Maretti que é secretária do secretário de educação da Prefeitura Muncipal de Jundiaí.
    bjs

  2. André SOUTO disse:

    Parabéns. Simplesmente espetacular o seu trabalho.

  3. Patrícia Durval Rigobelo Ré disse:

    Olá Rosana que idéia linda !! Fui procurar umas reportagens que fiz pelo Projeto que desenvolvo aqui no município de Guarujá e qual não foi minha surpresa ao deparar com seu blog, que maravilha, !! Aqui o trabalho com os florais espandiu-se começando em 2011 só no Educação Infantil e hoje em 2013 está no Ensino Fundamental comigo e mais dois terapeutas em toda a rede. E como está seu trabalho hoje? Beijos

    • Rosana Souto disse:

      Olá, Patricia!

      que bom saber do seu trabalho na educação aí no Guarujá. Maravilha!! Estou em campanha nacional e internacional pelo uso dos florais na Educação. Fiquei muito assustada com o que vi na Inglaterra/Europa e, mais ainda, em descobrir que muita gente lá fora desconhece, totalmente, os benefícios dos florais na Educação.
      O trabalho no Os Seareiros/Núcleo Mãe Maria, em Campinas, continua firme, tendo à frente ex-alunas minhas.
      Estou morando, atualmente ( recém-chegada ) em Curitiba. Neste próximo final de semana, estarei ministrando um seminário em Joinville, Sta Catarina, sobre minha experiência com o uso dos florais na Educação – um curso que venho ministrando em várias cidades e também no exterior.
      Em 2006, no Mãe Maria, fizemos um projeto com as crianças que revelou-se um lindo método de ensino dos florais de Bach para crianças, com resultados surpreendentes em termos de consciência emocional, social e ecológica – algo mto simples de ser incluido nas escolas, nas aulas de educação artística. É nisto que venho apostando para o desenvolvimento sadio de nossas crianças, no futuro. Veja mais detalhes na agenda de cursos e, qualquer coisa, entre em contato comigo. Um grande abraço, Patrícia! Parabéns, por seu trabalho!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.